31/03/2020 às 21:00:37

Coronavírus: Quais cuidados tomar?

O Coronavírus, causador da doença conhecida como COVID-19, faz parte de uma família de vírus descobertos pela primeira vez em 1937. A doença recebeu o nome de COVID-19 por sua recente manifestação em dezembro de 2019, que gerou uma pandemia, mas você sabe se proteger dela?

Coronavírus: Quais cuidados tomar?

A pandemia do Coronavírus teve início na cidade de Wuhan, na China, e rapidamente se espalhou dentro e fora do país, fazendo com que fossem tomadas diversas medidas de isolamento para conter a transmissão. Apesar deste tipo de medida, sabemos que determinados profissionais não podem parar suas atividades, por serem essenciais à manutenção da vida, e por vezes, também é necessário que o restante da população saia para comprar alimentos e itens de higiene. A COVID-19 também trouxe estes mesmos efeitos e medidas de contenção ao Brasil, por isso trouxemos dicas de como se prevenir e realizar suas atividades com segurança até que cheguemos ao fim da quarentena:

Idosos, grávidas e portadores de doenças que comprometem o sistema imunológico não devem sair

 

Idosos acima de 60 anos, grávidas e portadores de doenças que afetam a produção de anticorpos fazem parte dos grupos de risco e são os casos mais graves dentre os que acabam acometidos pela COVID-19, compondo também o maior número de mortes pela doença, por este motivo devem cumprir rigorosamente a quarentena e evitar ao máximo sair. Se você não faz parte do grupo de risco, ofereça ajuda e se disponibilize para atos básicos como a compra de alimentos para aqueles que não podem sair.

Saia apenas se for necessário e evite aglomerações

 

Sabemos que alimentos e itens de higiene são necessidade básica mesmo em meio a uma pandemia, além disso,  podem surgir outras necessidades como de ajuda médica e etc que façam com que você precise sair, e isto inclui aqueles que trabalham com  atividade essenciais à manutenção da vida e por este motivo precisam se locomover para o trabalho, por isso, a recomendação é de que se cumpra a quarentena o máximo possível, mas caso precise sair, evite percorrer muitos lugares, seja direto no que busca comprando apenas o que for necessário, não é o momento adequado para realizar compras à passeio. Evite todos os tipos de aglomeração, pois estas tornam muito mais propensa à contaminação e espalham rapidamente a doença. Se possível, opte também pelas compras online ou em estabelecimentos que trabalham com delivery, próximos à sua casa, assim você ajuda os pequenos comerciantes que não podem abrir suas portas mas seguem oferecendo seus produtos. 

Retire os sapatos e troque de roupas ao voltar, higienize também tudo que trouxer

 

Ao retornar após as compras, é importante se lembrar que teve contato com superfícies externas, e que não é possível saber se o vírus esteve presente nelas, portanto, para evitar qualquer tipo de contaminação, o ideal é que retire seus calçados antes de entrar em casa e também troque suas roupas. Ainda que eles não estejam sujos, se possível lave ou realize uma limpeza leve e até mesmo assepsia, pois o vírus em contato com determinadas superfícies pode se manter vivo por algumas horas e contaminar sua casa. Se tiver feito compras procure realizar a assepsia também de tudo que trouxe, especialmente daquilo que vêm em embalagens que costumam ficar expostas e serem tocadas por diversas pessoas. Para estes casos, a limpeza apenas com um pano umedecido em álcool já é suficiente.

Lave sempre que possível as mãos, mas se não puder, utilize álcool em gel 70% e evite tocar boca, nariz e olhos

 

Uma das formas mais eficazes de evitar a contaminação é a limpeza das mãos, pois estas estão em contato com tudo o tempo todo, e por isso carregam tudo que estiver presente nas superfícies em que tocou. Crie o hábito de lavar as mãos diversas vezes ao dia, especialmente se precisar sair.

Se não puder lavar as mãos, utilize o álcool em gel 70%, mas esteja atento à esta porcentagem, pois somente este é capaz de eliminar de fato o vírus. As opções que possuem menor concentração como o 46% utilizado para limpeza, possuem muita água em sua composição, e por isso não contém a concentração necessária para a sua proteção. Mas não pense se utilizar o álcool 97% estará ainda mais protegido, pois este possui uma concentração muito maior, o que o faz evaporar muito rapidamente, antes do tempo necessário para a eliminação do vírus. 

As formas de contaminação pela COVID-19 se dão especialmente através do contato do vírus com os canais ligados às vias respiratórias, por isso evite ao máximo tocar boca, nariz e olhos, e sempre que isso for necessário, lave bem as mãos antes deste contato.

Evite o excesso de informações, mantenha-se ativo e em contato com seus familiares e amigos

 

Em momentos de tensão e preocupação como este, é comum que fiquemos estressados pelo isolamento e até mesmo sem saber o que fazer, afinal de contas, não esperávamos por algo do tipo, por isso um dos maiores cuidados que se deve ter é com a sua saúde mental. Evite o excesso de informações, busque apenas fontes confiáveis e mantenha-se ativo. Aproveite este momento para realizar atividades novas, estar mais próximo da família e também dos amigos através das redes sociais. Atualmente ferramentas como o WhatsApp permitem realizar chamadas de voz e de vídeo, facilitando a interação mesmo à distância. Siga as recomendações das autoridades de saúde e cumpra o isolamento físico, mas não se isole mentalmente. Se todos fizermos a nossa parte, logo estaremos juntos novamente!